Argus-a Vol. IX Edición N° 33 / Septiembre 2019 / ISSN 1853-9904 / Index: MLA y Latindex / Bs. As.- Argentina
Fernando Sabino e Clarice Lispector
Francine Carla de Salles Cunha Rojas y Edgar Cézar Nolasco / Universidade Federal do Mato Grosso do Sul / Brasil
Vol. VI Edición N° 24

 

 
aaa
O presenta trabalho, “Fernando Sabino e Clarice Lispector, para além do princípio da fraternidade, pretende discorrer sobre a amizade no fazer literário dos escritores Fernando Sabino e Clarice Lispector a partir de determinada concepção da amizade que não se restringe a metáfora familiar. A fatriarquia na amizade não encampa as diferenças nascidas de pensamentos distintos e pressupõe, por conseguinte a unificação de identidades. Em sentido contrário, mediante as considerações de Francisco Ortega com Para uma política da amizade: Arendt, Derrida e Foucault, Genealogias da amizade e Amizade e estética da existência em Foucault, Jacques Derrida com Políticas da amizade e Walter Mignolo em Histórias locais/projetos globais, pretende-se conceber a ideia de amizade na diferença.

Abstract
The present work, "Fernando Sabino and Clarice Lispector, in addition to the principle of fraternity, intends to discuss the friendship in the literary work of writers Fernando Sabino and Clarice Lispector from a certain conception of friendship that is not restricted to family metaphor.The ‘fatriarchy’ in the friendship does not shelter the differences born of different thoughts and presupposes, therefore, the unification of identities. On the contrary, through the considerations of Francisco Ortega with Para uma política da amizade: Arendt, Derrida e Foucault, Genealogias da amizade and Amizade e estética da existência em Foucault, Jacques Derrida with his Políticas da amizade e Walter Mignolo in Histórias locais/projetos globais,, this essay is intended to conceive the idea of friendship in the difference.

 

  • Compartir: